Must do things in Baku – Dicas de Baku

Baku – Azerbaijan, one of the most pretty places I´ve ever been 🙂 If you don´t know much about this city yet, you should definitely do a research and consider a trip to Baku.  Why?The place is just wonderful!

IN : I was fortunate to have the possibility to get to know more about this country and this city trough my work. When I found out about the trip I did a huge research about what to do, where to go, history, curiosities and in the end I knew more about Baku than the people that live there. hahhahahha – But for those who do not know:

– Baku is the capital and largest city of Azerbaijan on the Caspian Sea, it consists of two parts: The Downtown Area and the Old Inner City. Baku´s name is believed to be derived from a Persian word which means “city of winds”. And believe me, pretty people, the wind is so strong that the trees are staked in cement; so strong that the hotel roof with it´s wonderful panoramic view is closed, so that people do not fall out of the balcony; so strong, that I could not have one picture of me without my hair blown in my face :/ but this is another thing which made the stay there even more special – I mean – not the photos with the hair in my face of course, but the wind. Every day we had an average temperature of about 32°C/90°F and imagine that without wind, that´s not so comfortable, right?! At my first day I went for a walk at the Caspian seaside, I was like a crazy hip girl doing thousands of pictures of everything that I saw in my front, amazed by the mix of modern architecture and luxurious buildings. Some may say that Baku wants to be the second Dubai, but I think that Baku is Baku. Yes, It is beautiful, it is imposing, but at the same time it is simple and affordable . And this is another important thing that I want to point out here: Visit Baku, Visit Azerbaijan! Open yourself for new routes, visit different places, go out of the conventional travel plans that everybody do. Baku is ready to receive you. You just need to find your way to there:) Enough blah blah blah and let´s show some pictures, today I will introduce you to the downtown and point some must go places. I hope you like it!

__________________________________________________________________________________________________________________

BR: BakuAzerbaijão, um dos lugares mais lindos que visitei esse ano! Só de lembrar dessa viagem, já me faz abrir um sorriso no rosto de felicidade 🙂 E se você ainda não conhece Baku, pode pesquisar sobre a cidade e ir cogitando a possibilidade de visitá-la. Eu tive a sorte de conhece-la através do meu trabalho e uma semana antes da viagem eu pesquisei sobre o que fazer, onde ir, história, curiosidades. No fim eu sabia mais sobre Baku do que os próprios Azerbaijanos. hahhahahha – Eu sou louca, eu sei, todo mundo sabe, e quando encasqueto com uma coisa viro freak total, quero saber de tudo mesmo, sou mega curiosa. Então para quem ainda não sabe:

– Baku é a capital e maior cidade de Azerbaijão, ela fica localizada nas margens do Mar Cáspio e é separada por duas partes: A Cidade Baixa e a Cidade Velha. O nome Baku tem origem de uma palavra persa e significa “cidade fustigada pelo vento” . E acreditem meu povo lá venta muito – venta tanto que as arvores são estacadas no cimento, venta tanto que no hotel a maravilhosa cobertura, com vista panorâmica é fechada pro povo não cair da sacada, venta tanto que não tem uma foto decente minha sem o cabelo na cara :/ Mas esse é um outro ponto que fez a estadia ainda mais especial – Não as fotos com o cabelo na cara, é claro, mas o vento 🙂 Imaginem todos os dias uma temperatura média em torno dos 32 graus sem vento?! Sem condições né gente! Meu primeiro passeio foi pela orla desbravando e tirando umas 427 mil fotos de tudo o que via na frente, maravilhada com a mistura da arquitetura moderna e luxuosa da cidade com as antigas construções da cidade velha. Ah quem fale que Baku quer ser uma segunda Dubai, eu já acho que Baku é Baku 🙂 É linda, é luxuosa, é chique, mas ao mesmo tempo é simples e uma viagem pra lá cabe no bolso de “quase qualquer um”. Esse é um outro ponto importante que queria falar aqui: Visitem Baku, Visitem Azerbaijão! Desbravem esse lugar, se abram para o novo e saiam do convencional de viagens que todos fazem. Baku está mega preparada para receber os turistas, eles só precisam chegar 🙂 Chega de bla bla bla e vamos o que interessa, fotos. Eu vou dividir esse tópico em três, hoje vou falar da cidade baixa e onde ir. Espero que gostem!

DSC00637

1- A walk at the Caspian Seaside – Passeio pela costa do Mar Cáspio

DSC00549

2 – Stop at the Mall to eat or buy something – Parada no Shopping para comer ou fazer compras

DSC05889

3-Little Venice in Baku – Pequena Veneza em Baku

DSC05940

4 – The Carpet Museum, a visit there is totally worth it – O Museu de Carpetes, uma visita que super vale a pena.

DSC01624

4 – Metro station inspired by the Louvre – Estação de metrô inspirada no Museu do Louvre Museu em Paris.

DSC05865

5 – Even the underground passage looks amazing – Até a passagem subterrânea é linda e limpa

DSC01543

6 – Fountain quartier – Um quarteirão só de chafarizes lindo lindo

DSC01542

One prettier than the other – Um mais bonito do que o outro

DSC01656

Look how clean everything is. I think Baku is the most clean city that I ever saw – Repare o quanto essa cidade é limpa, acho que uma das mais limpas que já vi na vida.

DSC01667

DSC01511DSC00576DSC00513.1

IN: Is it wonderful or not?! 🙂 In the next post I will introduce you to the Old City with some tips of which souvenirs you can buy for your family and I will talk a little bit about the Heydar Aliyev Museum. Stay in touch! Have a nice weekend and see you soon. xxx

BR: É maravilhosa ou não é?! 🙂 No próximo post vou mostrar para vocês a Cidade Velha, dar algumas dicas do que comprar de lembrança para a família amada e vou falar um pouco sobre o Museu Heydar Aliyev . Não percam! Tenham todos um ótimo final de semana e até breve xxx

               

Sobre o Autor Ver todos os posts Autor do Site

Katia Farias

Olá, eu sou a Katia Farias, uma jornalista brasileira que ama viver a vida de maneira fora do tradicional – o que as vezes me faz parecer um tanto quanto louquinha e quase sempre muito feliz. Sou casada com um austríaco e vivo desde 2010 na Europa – atualmente moro na Alemanha. Amo chocolate, pôr do sol, moda, assistir filmes debaixo do cobertor, viver aventuras e conhecer pessoas novas. E sobre todas estas coisas que eu escrevo aqui no blog. Me acompanhe nessa louca viagem chamada vida.

ComentáriosDeixe um comentário

Deixe uma resposta